Pular para o conteúdo principal

Morre Armin, 8º Príncipe de Lippe



No último dia 20 de agosto faleceu Sua Alteza Sereníssima o Príncipe Armin Leopold Ernst Bruno Heinrich Willa August Prinz zur Lippe, filho de Sua Alteza Sereníssima o Príncipe Leopold IV zur Lippe, último Príncipe Soberano de Lippe. 

O Principado de Lippe foi um dos Principados Alemães que existiram até o ano de 1918, quando a Monarquia foi derrubada na Alemanha. 

Armin, 8º Príncipe zur Lippe nasceu no dia 18 de agosto de 1924, em Detmond, Capital do antigo Principado de Lippe, sendo o único filho do Príncipe Leopold IV, 7º Príncipe de Lippe (1871-1949), e de sua segunda esposa a Princesa Anna von Ysenburg und Büdingen (1886-1980). Do primeiro casamento de seu pai, com a Princesa Bertha von Hesse-Philippsthal-Barchfeld (1874-1919), Sua Alteza Sereníssima teve cinco irmãos, todos já falecidos.

Após o falecimento do Príncipe Leopold IV, foi Armin, como Príncipe Hereditário de Lippe, que o sucedeu, tornando-se o 8º Príncipe e Chefe da Casa Principesca de Lippe, devido ao fato de seus três irmãos mais velhos terem renunciado aos seus direitos sucessórios por si e por seus descendentes. No dia 29 de março de 1953, em Celle, na Alemanha, o Príncipe de Lippe desposou a Senhorita Traute Becker, que foi sua esposa por mais de sessenta anos. Suas Altezas Sereníssimas o Príncipe e a Princesa de Lippe tiveram um filho:

1. Príncipe Stephan Leopold Justus Richard, 9º Príncipe de Lippe (n. 1959). Desposou, em 1994, a Condessa Maria von Solms-Laubach (n. 1968); com descendência.

1.1. Príncipe Hereditário Bernhardt Leopold Baptist Ernst George Ludwig zur Lippe (n. 1995).
1.2. Príncipe Heinrich Otto Gustav-Adolf Michael Wico zur Lippe (n. 1997).
1.3. Príncipe Benjamin Hans Karl Maximilian Paul zur Lippe (n. 1999).
1.4. Princesa Louise Anna Astrid Christiane Viktoria zur Lippe (n. 2001).
1.5. Princesa Mathilde Pauline Anna Elisabeth zur Lippe (n. 2003).

O Príncipe e a Princesa Consorte zur Lippe


Em 1937, o então Príncipe Hereditário de Lippe foi pajem no casamento de seu primo-irmão, o Príncipe Bernhard zur Lippe, que recebeu então o título de Príncipe de Biesterfeld (1911-2004), para o seu então casamento com a Princesa Juliana dos Países Baixos (1909-2004), mais tarde Rainha dos Países Baixos. Assim sendo, o falecido Príncipe de Lippe era primo-tio-avô do atual Soberano Holandês, o Rei Willem-Alexander. 

Um dos fatos que marcou a vida do Príncipe Armin foi o de que seu irmão mais velho, o Príncipe Ernst Leopold Chlodwig Julius Alexis Wilhelm Heinrich Erbprinz zur Lippe, que iria suceder ao pai o Príncipe Leopold IV como Chefe da Casa de Lippe, teve um grande envolvimento com os nazistas, chegando a ser testemunha no Julgamento de Nuremberg. 

Por este motivo o Príncipe Ernest Leopold foi preterido pelo pai em seu testamento, o que pode levar a Armin assumir a Chefia da Casa de Lippe. 

Comentários

Matérias mais lidas da Revista

S.A.S. o Príncipe D. Andrea Trivulzio-Galli, Duque de Mesolcina, surpreende participando em live sobre cachimbos

  Sua Alteza Sereníssima o Príncipe D. Andrea III Gonzaga Trivulzio-Galli, Duque de Mesolcina  (34), Chefe da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, Alvito e Castel Goffredo , sempre  famoso por sua discrição , e por quase sempre apenas aceitar dar entrevistas e declarações por escrito, surpreendeu a muitos participando de uma Live, onde falou de um de seus mais conhecidos gostos. S.A.S. o Príncipe e Duque de Mesolcina , Príncipe do Sacro Império Romano, participou em uma live no YouTube , no Canal "Tabacos Dalberto", onde falou sobre um de seus hobbies: pipar cachimbo . Além de falar sobre etiqueta na hora de pipar, Sua Alteza também respondeu a perguntas das pessoas que o estavam assistindo, algo verdadeiramente inédito se tratando do Príncipe D. Andrea.  Veja o vídeo aqui: Esbanjando simpatia , o Príncipe de 34 anos respondeu as perguntas do seu entrevistador, mas principalmente, das dezenas de pessoas que assistiram a transmissão ao vivo. Respondeu também, de forma inédit

As atividades da Grã-Princesa Maria da Rússia

 Poucas pessoas sabem, mas a Família Imperial Russa não foi totalmente eliminada pelos comunistas, na revolução de 1917 . O Grão-Príncipe Cyril da Rússia conseguiu fugir , juntamente com sua esposa, a Princesa Victória Melita de Saxe-Coburg e Gotha, e o filho recém nascido de ambos, o Grão-Príncipe Vladmimir da Rússia. Com a morte do Imperador Nicolau II da Rússia , o Grão-Príncipe Cyril tornou-se o Chefe da Casa Imperial Russa , e chegou mesmo a ser coroado Imperador da Rússia no exílio, como Cyril I da Rússia , mantendo-se como Imperador Titular até sua morte, em 1938, quando foi seguido por seu filho, o Grão-Príncipe Vladimir da Rússia, que também declarou-se "Imperador e Autocrata de todas as Rússias" no exílio, como Vladimir I da Rússia .  Do casamento de Vladimir I com a Princesa Leonilda Georgievna Bragation-Mukhrani , membro de um ramo cadete, o dos Príncipes de Mukrani, da Casa Real da Geórgia . Desse casamento nasceu uma filha, a Grã-Princesa Maria Vladimirovna da

Príncipe Leka da Albânia leva surra da ex-mulher

  O Príncipe Leka II Zogu , um dos pretendentes ao extinto Trono da Albânia, como descendente do Rei Zog I, levou uma surra da sua ex-mulher, Elia , e do pai desta. O Príncipe Leka e Elia Zaharia separaram-se , e inicialmente comentava-se que o divórcio devia-se a alguma infidelidade de Leka, porém, agora, outros contornos dão-se ao fato: pode ser que o Príncipe Leka Zogu tenha pedido o divórcio para escapar das surras que levava da ex-esposa. O casal tem uma filha, a Princesa Geraldine Zugu . Foi justamente a uma visita do Príncipe Leka a casa de sua ex-esposa, que tem a guarda da filha, que o Chefe da Família Zogu levou uma boa surra de sua ex-mulher, aos gritos de " você é uma fraude ", e investiga-se se o pai de Elia tenha ajudado a agredir o ex genro.  Tudo ficou ainda mais escandaloso , quando o Príncipe Leka filmou a gritaria, e sem o menor pudor, publicou nas redes sociais, veja o vídeo: O Príncipe Leka não é o único pretendente ao extinto Trono da Albânia , uma vez q